Atenção! A Crefaz não cobra nenhum valor antecipado para liberação de crédito.

SCORE DE CRÉDITO: O QUE EU PRECISO SABER?

Tive meu empréstimo negado por causa do meu score de crédito. E agora? O que fazer?

Você já ouviu falar sobre o termo “Score de Crédito”? Na hora de solicitar um empréstimo, financiar um carro ou imóvel, fazer uma compra parcelada ou pedir um cartão de crédito, seu score vai ser consultado. Mas, você sabe para que ele serve e como ele funciona?

O Score é uma ferramenta utilizada pelas instituições financeiras para filtrar e definir os perfis de consumidores antes de fornecer o crédito. É como se o score fosse a imagem pela qual você é visto perante as instituições financeiras. Através de uma pontuação que vai de 0 a 1.000, o Score indica qual a chance de um determinado consumidor pagar suas contas em dia dentro de 12 meses. Esses pontos são calculados por meio da análise de alguns critérios, como por exemplo: idade, renda, estado civil, registros no SPC e Serasa. Com essas informações em mãos, a instituição financeira consegue definir o perfil de pagador de cada cliente. Dentro dessa pontuação, quanto mais alto for o valor calculado, melhor será para o seu currículo de finanças, enquanto a pontuação baixa significa que a chance de você se endividar – e deixar de pagar quem está concedendo o crédito, ou liberando o limite do cartão - é mais alta.

Mas afinal, quando eu vou precisar utilizar meu score?

O seu score de crédito é sempre consultado pelas empresas do ramo financeiro quando você solicita um empréstimo ou financiamento, ou seja, quanto melhor sua pontuação, maiores as chances de você ter um credito ou financiamento liberado.

E, como eu descubro qual a pontuação do meu score?

É muito simples! Sites como o Serasa Score e o consultor do Boa Vista SCPC oferecem a ferramenta de consulta gratuitamente. Basta você fazer um cadastro e eles fazem a análise dos seus dados pessoais para saber se você paga as contas em dia, qual o seu histórico de dívidas negativadas, se você busca crédito no mercado com frequência, entre outras informações pertinentes para traçar seu perfil financeiro. Uma pontuação abaixo de 300 já é considerada um score baixo, e pode dificultar bastante sua vida financeira. Vale muito a pena estar por dentro do seu score para monitorar possíveis pendências e evitar endividamentos futuros. Caso seu score caia sem um motivo aparente, possivelmente tenha ficado alguma conta ou dívida para trás, ou até mesmo é possível que alguém esteja fazendo dívidas em seu nome. Fique de olho!

Dá para melhorar minha pontuação no score?

Sim, como ele não é uma pontuação fixa, você pode melhorar os números com algumas atitudes. Pagar suas contas em dia, quitar suas dívidas, atualizar seus dados no Serasa, colocar as contas no débito automático (e mantê-las sempre com saldo positivo) e até mesmo comprovar sua renda são algumas ações que podem ajudar a aumentar sua pontuação. Mas, vale lembrar: o score não muda instantaneamente, então mesmo que você tenha se livrado hoje de suas dívidas e organizado sua vida financeira, pode demorar algum tempo para sua pontuação alavancar. Ou seja, por se tratar de um registro do seu histórico de pontualidade financeira, você precisa – além de sair da inadimplência – manter as contas em dia!

Viu só? Vale a pena ficar de olho e cuidar bem do seu score, assim você terá sempre excelentes oportunidades de crédito no mercado (inclusive com a gente ;D).

Autor: Crefaz Data:

Precisando de uma renda extra ?

Seja um consultor CEFAZ!